Stephen Shore.

• novembro 22, 2010 • Deixe um comentário